Educação pela Natureza

Acabo de ler Edible Schoolyard; A Universal Idea, livro que conta a história de uma maravilhosa experiência que converteu área asfaltada de uma escola num sítio. Sítio à moda antiga, com uma grande diversidade de plantas e um time de belas galinhas. Contarei essa história e comentarei o livro em vários posts.

Neste primeiro post, apresento a tradução de Principles of Edible Education. Esses princípios sintetizam um sonho e uma longa aprendizagem de alunos, professores, pais e voluntários que criaram o sítio em 14 anos de muito trabalho. A escola chama-se Martin Luther King, Jr. Midle School e atende a alunos da 6ª a 9ª série. A inspiradora do projeto é a chef de cozinha Alice Waters, dona do famoso restaurante Chez Panisse.

Vou traduzir Principles of Edible Education por Princípios de Educação pelo Alimento, uma vez que  a versão literal – educação comestível – não soa bem em nosso idioma. Se alguém conseguir melhor tradução, por favor, proponha-na aqui em comentários.

Princípios de Educação pelo Alimento

Alimento é Matéria de Estudo

O sítio, a cozinha e a cantina estão integrados ao objetivo acadêmico da escola, de tal maneira que ecologia e gastronomia dão vida a todas as matérias, da escrita e leitura à ciência e arte.

 
A Escola Fornece Merenda Para Todas as Crianças

 

Da pré-escola ao ensino médio, os alunos recebem um alimento completo e delicioso, todos os dias. Boa alimentação é um direito, não um privilégio. Fornecê-la todos os dias estabelece uma relação positiva dos alunos com sua saúde, com sua comunidade, com o meio ambiente.

A Escola Apóia a Agricultura Local

As cantinas escolares compram alimento fresco da estação, produzidos de maneira auto-sustentável, de agricultores e sitiantes locais, não só por razões de saúde e educação, mas também para fortalecer a economia de produção agrícola de alimentos na região.

Os Alunos Aprendem Fazendo

A educação manual, na qual os próprios alunos fazem o trabalho nos canteiros e na cozinha, desperta seus sentidos e abre suas mentes, tanto para as matérias que estudam como para o mundo que os cerca.

 

A Beleza é uma Linguagem

Um ambiente preparado com beleza, onde se pensou deliberadamente em tudo, dos caminhos do sítio aos pratos nas mesas, diz aos alunos que nós nos importamos (we care) com deles.

Anúncios

2 Respostas to “Educação pela Natureza”

  1. Marcia Cosme Silva Says:

    Nossa se tivesse conhecido este blog ante, o projeto alimentação saudável na minha escola teria ficado bem mais rico.
    Parabéns!!!

  2. Ecologia, alimentação e horta escolar « Boteco Escola Says:

    […] Não conheço o livro indicado, mas acho que o mesmo deve seguir linha similar ao projeto Edible Schoolyard, sobre o qual publiquei post alguns dias atrás. Faço anúncio da obra para repartir informação […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: