Escola para os filhos dos outros

 

carta a uma professora

Trago para cá consideração que fiz no Face sobre matéria publicada em espaço de Don Lorenzo Milani. Para ver a matéria, clique aqui.

Segue minha consideração:

A matéria me lembrou Lauro de Oliveira Lima que dizia que a burguesia quer, para seus filhos, uma escola diferente daquela voltada para os filhos dos trabalhadores. O autor aconselha os proponentes de uma escola exclusiva para seus filhos a lerem Don Lorenzo Milani, destacando um trecho de CARTA A UMA PROFESSORA:

>>> «Una scuola che seleziona distrugge la cultura. Ai poveri toglie il mezzo d’espressione. Ai ricchi toglie la conoscenza delle cose».

O trágico disso é que as escolas privadas no Brasil cumprem o papel de exclusão. A classe média evita, por meio da escola privada, que suas crias entrem em contato com pobres e pretos. Comentei algo assim anos atrás num grupo de discussão na internet. Fui apedrejado pelos privatistas e donos de escolas.

Classi di soli studenti ricchi a scuola? Le assurde richieste di prof e genitori ad un dirigente d’Istituto della provincia di Napoli fanno accapponare…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: