Novas tecnologias: lições do século IV

Acabo de ler o livro cuja figura abre este post. Os autores contam a história de dois revolucionários livreiros: Origines e Eusébio. Eles mudaram substancialmente o livro, abandonando o rolo e desenvolvendo muitas das possíbilidades oferecidas pelo códex (a forma de livro que temos até hoje)

A história desses dois gênios mostra como usos criativos de novas tecnologias exigem mudanças profundas na organização de conteúdos, nos modos de entender finalidades da comunicação. Esse é um aspecto que muita gente ignora hoje quando louva as maravilhas que vão chegando continuamente às lojas de equipamentos digitais. Acho que falta pra muita gente faro histórico. E ausência de faro nos leva a engolir muita coisa pobre em substância.

Recomendo o livro de Grafton e Williams a todo mundo que queira falar sobre tecnologia com lastro histórico.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: