WebQuest na TV

Numa das vezes em que esteve no Brasil, Bernie Dodge gravou, por sugestão minha, entrevista sobre WebQuest na TV SENAC. Na época em que o site sobre WebQuest estava ativo na Escola do Futuro, tínhamos lá, em três segmentos, o programa completo da memorável entrevista e de uma mesa redonda (constituída por mim, Carlos Seabra e Manolo Morán) que o comentava.

Vejo agora que alguém colocou parte da citada produção no Youtube. O VT é um documento histórico e uma oportunidade para que pessoas possam ver Bernie Dodge, criador do modelo WebQuest, falando sobre sua obra.

Anúncios

5 Respostas to “WebQuest na TV”

  1. helenaruth Says:

    Querido Prof° Jarbas!
    Obrigada por ter solicitado esta gravação! Sempre nos acrescenta, principalmente ao ouvirmos diretamente do criador!
    Obrigada por lembrar da nossa webquest de olimpíada!!
    Torço pelo sucesso da WebQuest em nosso país 😉
    Que os professores e os alunos possam ser beneficiados por esta importante ferramenta 😉
    Acredito que em breve minha tese será aceita não só por Campbellsville University, mas pela UNESP – São Carlos!
    Estou torcendo! Estamos na fase final 😉
    Um forte abraço,
    Helena =)

  2. Carlos Seabra Says:

    Que boa recuperada de material, viva o YouTube! Se não me falha a memória, esse programa da TV Senac (que se chamava “Modernidade”) é de 2001 ou 2002, né?

    • jarbas Says:

      Alô Seabra. Não conferi data. Mas, na entrevista Bernie afirma que o modelo WQ tinha sido criado 5 anos e meio atrás. Como as WB’s surgiram em 1995, a fala do nosso amigo aconteceu no final de 2000. Depois disso foi feita aquela mesa redonda da qual participamos. Assim, é provável que essa versão do Modernidade tenha ido ao ar no começo de 2001.

  3. Rachid Says:

    Queridos Profº Jarbas e Seabra.

    Quanto tempo. Como estão? Olha só que coincidência: no fim de setembro estava com alguns colegas professores do Colégio Lourenço Castanho em uma conversa sobre metodologias de ensino e formas de ensinar e aprender, quando falei sobre a WebQuest e eles não sabia do que se tratava, então comecei a explicar e exemplificar, foi muito produtiva a conversa. Ao final até comentei: “- Nossa que saudade que me deu dos workshops de webquest”… e quando retorno para Sampa deparo com esse post sobre o assunto. No fim de 2010, apresentei o TCC n a pós com o tema “O Lúdico, através das atividades dirigidas, como instrumento no processo de ensino aprendizagem na aplicação de projetos educacionais”. A ludicidade (intrínseca na metodologia da WebQuest), por promover oportunidades construtivas de aprendizagem, tais como troca de informações, ambiente espontâneo, motivação e interesse, justifica sua utilização no processo de ensino aprendizagem. Com base na investigação realizada pode se observar a partir da identificação do nível de conhecimentos pré-existente, construção de um ambiente descontraído e natural, novas informações transmitidas de maneira substancial, atividades pré-elaboradas, utilização de interação das informações aprendidas e utilização do lúdico, através de atividades dirigidas, permitiam agregar informações novas nas estruturas cognitivas do alunos e forma mais eficiente do que a tradicional. Isso se comprova com a utilização das avaliações pré e pós projeto com grupo controle , pode-se identificar a aquisição de novos conhecimentos. Acho uma pena que aquela equipe da Escola do Futuro e do Senac tenha esfriado e que o tema não seja mais tratado com tanta ênfase como na época. Que tal juntarmos novamente? #ficaadica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: