Educação e autonomia

Nos velhos guardados encontrei outra coisa interessante, uma lista de ações para matar aprendizagem com autonomia. Fiz tal lista para uma dinâmica numa conversa que tive com professores do Senac de Taubaté. Creio que o ano da conversa foi 1991 ou 1992.

O exercício era o de converter a receita para uma proposta que promovesse autonomia. Toda a discussão aconteceu depois de uma exposição sobre novas tecnologia e moldura. Em tal exposição eu mostrava uma série de transparências para ilustrar a história de restauro de uma obra danificada num museu italiano. As sucessivas transparências mostravam mudanças de moldura, cada vez mais elaboradas, cada vez mais chics. Mas a obra continuava danificada. Continuava, não. Na verdade a cada nova moldura o estado da obra se deteriorava. A analogia era um começo para conversas sobre mudança em educação.

Voltemos ao achado, o exercício. A fundamentação da proposta é a de que apresentações de um quadro negativo serve para repensarmos nossos próprios erros numa boa. Afinal estamos corrigindo algo que  não nos diz respeito… O que fazemos num caso assim é colaborar para que todos saibam qual é o bom caminho…

RECEITA PARA MATAR APRENDIZAGEM COM AUTONOMIA

  • Venda certezas.
  • Rotule os alunos.
  • Elimine curiosidade.
  • Penalize erros.
  • Crie dependência.
  • Fortaleça corporações.
  • Acredite em dons.
  • Simplifique a realidade.
  • Converta saber em mercadoria.
  • Promova ignorância.
  • Banalize conteúdos.
  • Elimine cooperação.
  • Exija disciplina.
  • Dê matéria.
  • Encurte o tempo.
  • Transfira tecnologia
  • Seja moldureiro.

BARATO, Jarbas N. (em) Tecnologia e Reformas Educacionais. Taubaté, circa 1991.

Anúncios

14 Respostas to “Educação e autonomia”

  1. T Says:

    Gostei muito!

  2. Educação e autonomia « Mondo de Aline Says:

    […] em Referências. Você pode acompanhar qualquer resposta para esta entrada através do feed RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackback do seu próprio site. via […]

  3. Hellen Says:

    Como educador, devemos promover a troca…
    Acreditar no seu aluno…
    Aceitar e respeitar o que ele sabe…
    Traçar novos caminhos…
    Novas buscas…
    Só depende de nós!!!
    Evoluir Sempre!!!!

  4. Lu Says:

    Há momentos na vida que são necessárioasreflexões da sua ação e a do próximo….e autonomia é uma construção…baseados nos parametros da sua realidade

  5. Patrícia Morgana Dias Says:

    Não devemos vender certezas! Todos buscamos respostas e cada um possui sua verdade.EXISTE o OLHAR diferenciado que possibilitar trilhar novos caminhos e viver novas experiências e oportunidades.
    Cada criança é um sujeito que tem seus sonhos,ideiais e vida diferenciada! O respeito é o princípio de conviver em sociedade.
    A curiosidade é a essencia do aprendiz! E eu que um dia sonhei,lutei,busquei novos caminhos tornei-me professora por sonhar e acreditar num novo amanhã. E se não fosse a danada da curiosidade que sempre esteve ao meu lado… Eu acredito em liberdade,autonomia e uma Educação que favoreça a oportunidade de sempre rever nossos sonhos e mudar o contexto social. Isso tudo será proporcionado em grupo, diálogo e vivência democrática na escola.

  6. Wanderleya Peixoto Says:

    A autonomia faz parte da formação do indivíduo e, portanto, do processo educacional. Dessa forma, é necessário que se crie oportunidades para que o aluno direcione sua aprendizagem a partir de seus interesses. A consolidação de atitudes autoritárias podem acarretar na falta de interesse por partes dos alunos

  7. Rosilene e Telma Says:

    Todas as informações acrescentam à nossa aprendizagem, porém alguns dos itens elencados divergem a nossa opinião. Para essa afirmação podemos citar:
    ° Penalize erros.
    ° Crie dependência.
    Acreditamos que os erros não devam ser penalizados, mas usados como escada para alcançar a aprendizagem.

  8. Elisangela Says:

    Gostei bastante do artigo.
    E creio que temos que observar, se somos professores reflexivos e ou se somos apenas exìmios matadores de alunos autonômos com nossa prática de ensino.

  9. Patrícia Morgana Dias Says:

    Eu que nada sei, ouso sonhar com uma EDUCAÇÃO AUTONOMA! Onde o diálogo é a ponte para a construção de novas oportunidades e possibilidades de um novo amanhã. Em meio as verdades de cada um, os recursos humanos e materiais, acredito que devemos oportunizar novos amanhãs, novas vidas cheias de curiosidade,espontaneidade e liberdade.
    A EDUCAÇÃO é o caminho de construção coletiva,onde cada criação é um novo renascer!
    Viva EDUCAÇÃO que pulsa em você!Ouse ser você mesma e acredite em novas oportunidades.

  10. Suzan e Elaine Says:

    Refletir nossas práticas como educadoras, para que processo de ensino – aprendizagem seja significativo, oportunizando assim uma educação de qualidade.

  11. ELIANE E LINDINALVA Says:

    O artigo é o puro reflexo da realidade,temos que mudar os ingredientes desta receitas ,para que possamos formar cidadãos autonomos conscientes e capazes de exercer sua cidadânia plena.

  12. marcia borges Says:

    Devemos observar nossos atos perante a educação, pois ás vezes caimos nos itens referentes aos erros contra a educação, observar e fazer a auto avaliação se nós mesmos poderá ajudar a melhorar nossa postura perante ao ato de ensinar.

  13. Márcia Pedroso Says:

    Quem atua na área da Educação sabe o quanto é árduo o trabalho diário, porém é interessante lembrar a necessidade de nos policiarmos para não matar a aprendizagem, rotulando e subestimando o nosso aluno. Que a sala de aula seja um ambiente prazeroso para a construção do conhecimento, que o aluno não se torne uma simples obra intacta, que as molduras que venham fazer parte dele, façam a diferença e contribuam para a sua transformação enquanto cidadão.

  14. Seguidores no instagram Says:

    Belo artigo e acho que deve ter autonomia sim, é necessário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: