Twiteiros bavardistas

Quando tiver um tempo, pretendo escrever o prometido artigo para El Bazar de los Locos – @bazarlocos. Penso em analisar alguns dos tipos que frequentam a twiterlândia. Um desses tipos é aquele que os gringos costumam chamar de big mouth. Por isso, num primeiro instante, achei que o termo “boca grande” seria adequado como expressão capaz de designar numa taxonomia dos twiteiros aquelas pessoas que escrevem mais de quarenta pios diariamente. Mas, “boca grande” não é um rótulo atraente. Uma inspiração súbita me convenceu de que a melhor expressão para tanto seria o neologismo bavardista.

Para os interessados, informo que o neologismo proposto vem do francês “bavard”, aquele tipo que não para de falar, metralhando os ouvidos de pacientes ouvintes com uma sucessão de assuntos que parece não ter fim.

Como estamos na tal Sociedade da Imagem, achei que o conceito ficará mais claro a partir de um vídeo. Fiz rápido levantamento e encontrei um bebê que exemplifica maravilhosomente o ser bavardista. Vejam-no em ação e me digam se o mesmo não lembra twiteiros que não param de piar?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: