Fui ali e volto já.

O título deste post é criação de um amigo saudoso, Tide Heillmeister. Posso, sem exagero provocado pela saudade, dizer que Tide foi o maior artista gráfico de nosso país. Ah! As palavras do título são a proposta de epitáfio que o artista queria que pussessem em seu túmulo.

Tide faleceu em 2008. Nos últimos anos de vida andava articulando seu talento para realizar colagens com um trabalho educacional muito bonito. Ele ensinava colagem em eventos de desenvolvimento de pessoas. Conversei com ele sobre possíveis projetos nesse campo. Mas, acabei não dando continuidade às nossas conversas. Quis retomar o papo. Tarde demais, Tide nos deixou antes do combinado.

Já registrei aqui minha conversa inacabada com meu amigo artista. Não vou repetir o que já disse. Vou apenas divulgar um vídeo no qual Tide aparece falando de sua obra. É mais uma homenagem que faço a ele. É um momento de saudade que quero compartilhar com amigos.

Anúncios

Uma resposta to “Fui ali e volto já.”

  1. Margarete Barbosa Says:

    Olá, Jarbas!

    Conheci o Tide Hellmeister em meados dos anos 80, pois a mãe dele, a Sra. Alice Hellmeister, foi amiga da minha mãe.
    Não tive muito contato com ele, mas conheci um pouco de seu trabalho.
    Este ano teve uma exposição na Caixa Cultural, na Pça da Sé e eu só fiquei sabendo nos últimos dias. Foi ver. Estava belíssima. Pena que não deu tempo de eu colocar no meu blog.
    Compartilho contigo dessa saudade…
    Um super abraço!
    Margarete Barbosa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: