Não é tarefa

Acabo de receber indicação de três WebQuests. Quem as encaminhou sugere que as mesmas tem exemplos de boas tarefas. Não posso concordar. Todas as três WebQuests que me foram enviadas reduzem o conceito de tarefa a trabalhos escolares, a atividades que podem tornar as aulas mais “legais” (sic). Falta, em todos os casos, a essência definidora de tarefa. Antes de seguir em frente, forneço aqui os links para as WQ’s objeto deste post:

A idéia de tarefa em WebQuest ou em planos de estudo com objetivos similares aos estabelecidos por Bernie Dodge exige mudança radical em modos de propor “trabalhos” para os alunos. É preciso romper completamente com uma concepção ativista e buscar desafios que correspondam a usos significativos do conhecimento. Há mais aspectos a serem considerados, mas não vou fazer isso agora. Vou aproveitar o acontecido para propor  uma conversa sobre a alma do modelo WebQuest. Particularmente, quero saber o que pensam meus alunos.

Para recolher as opiniões dos meus alunos, vai aqui o roteiro do que espero deles.  Meninos e meninas:

  1. Examinem as supostas tarefas propostas nas três WebQuests cujos links forneci no início deste post.
  2. Escolham uma delas para uma análise bem fundamentada.
  3. Leiam e releiam a suposta tarefa da WQ que vocês elegeram para análise.
  4. Listem os aspectos de tais supostas tarefas que contrariam o conceito de tarefa conforme a proposta original do modelo WebQuest.
  5. Elaborem um texto analítico mostrando, com base em referências que podem ser encontradas neste blog e na apostila de nossa matéria, por que a WebQuest eleita por vocês não tem uma tarefa como manda o figurino.
  6. Convertam suas análises em comentários a este post.

Atenção. Como já afirmei, nenhuma das três WebQuests aqui indicadas tem uma tarefa que corresponde ao conceito desta parte do modelo criado por Bernie Dodge.

Outros visitantes deste Boteco estão convidados a fazer o exercício proposto. Aguardo comentários. Voltarei ao assunto mais tarde para expressar minhas opiniões sobre as três WebQuests que me foram encaminhadas como bons exemplos.

Anúncios

70 Respostas to “Não é tarefa”

  1. Kete Alves da SIlva Says:

    A tarefa proposta na webquest com tema A Física do Movimento não se encaixa em uma tarefa para WQ, pois ela não fornece nenhum objetivo, nenhuma meta para os alunos. Seu tema não chama a atenção e deixa em dúvidas o que realmente o autor quer com esta tarefa. Lídia Quadros em seu texto “Webquest:um modelo de aprendizagem na Web”(encontrado na apostila de tecnologia educacional) diz que para uma tarefa estar bem definida deve ser desafiadora, empreendedora e direciona o trabalho do aluno, mostrando suas reais intenções com a atividade. Portanto, vemos claramente que nesta WQ não encontramos nenhuma das características principais para a definição de tarefa, já que esta é a parte mais importante de uma WQ.

  2. Fabiana Martins de Almeida Says:

    Nome: Fabiana Martins de Almeida RA: 200707762

    Análise de tarefa em WebQuest

    A tarefa analisada foi da WebQuest “A Física em Movimento” a qual como já mencionado pelo professor não corresponde ao conceito do modelo criado por Bernie Dodge. Na tarefa citada um aspecto que merece destaque é o de que a mesma ao invés de estimular os alunos a pensarem, apenas os leva à memorização. Também não apresenta as chamadas virtudes essenciais de uma tarefa que são autenticidade, transformação da informação e aprendizagem cooperativa.
    Portanto, deveria interagir os alunos em movimentos ao invés de simplesmente capturar situações onde existe movimento, para que possam entender na realidade a física do movimento bem como as características e peculiaridades do mesmo.

    Referência:

    A alma das WebQuests, traduzido por Carme Barba, abril de 2004 – apostila da disciplina de Tecnologia Educacional sobre WebQuest.

  3. Maria Daniela Clementino Says:

    A WebQuest (WQ) analisada foi a Física do Movimento e a tarefa desta WQ não está conforme a proposta original do modelo de WQ. A mesma não agrega conhecimento aos alunos, não propõe que estudem o tema para desenvolver a tarefa proposta, apenas solicita aos alunos que capturarem situações onde existe movimento. De acordo com Redação de Tarefa em WebQuest, “a tarefa funciona como um desafio para que os alunos, num trabalho cooperativo, realizem uma produção muito parecida com algo que rola no mundo fora da escola. Essa é uma exigência de autenticidade” . O grupo pode até ter estimulado o trabalho em grupo, porém não há interação entre os participantes.
    Logo, esta atividade não é considerada uma tarefa de WQ, pois não fornece meta e um foco para a energia dos alunos, além de não exigir que os alunos estudem e compreendam o tema proposto e não proporcionando um contexto da vida fora da escola.

  4. Katia Urbano Medeiros Says:

    A Física do movimento

    Segundo a apostila de WebQuest: Fundamentos da disciplina de Tecnologia da Educação, devemos saber para fazer e não fazer por fazer, e neste ponto podemos afirmar que esta WQ não corresponde a este conceito,pois não explica ao educando o que é a física do movimento e nem lhe dá o caminho para descobrir seu significado, apenas delega a tarefa de capturarem cenas que tenham algum tipo de movimento sem ter mencionado os tipos que existem para que os alunos possam identificá-los.
    Para se ter uma boa WQ as tarefas devem ser bem planejadas fazendo os alunos pensarem além da compreenssão baseada na memorização – o que não ocorrem em A Física do movimento. A tarefa mencionada nesta WebQuest é nada mais que um trabalho de fotojornalismo dirigido à alunos de ensino médio só que melhorada utilizando vídeos ao invés de apenas fotos.

  5. Rodrigo Augusto Oliveira Da Silva Says:

    Olá Professor! Como vai?

    Aspectos que contrariam o conceito de tarefa: É uma Quest que não exige análise prévia do assunto, se atém muito a reprodução(característica das Webgincanas),devemos saber para fazer e não é apenas memorização. Apesar da idéia ter como base o entendimento do conceito de movimento e propor a gravação e reprodução desses videos na web, essa não passará de uma mera aula que foge da rotina, pois como Dodge mesmo cita, a Tarefa é a alma das Webquests , ela é o produto elaborado a partir da articulação de determinados saberes, um ou mais, ex: para que haja o movimento, não dependemos apenas da física, temos a biologia, que explica as sinapses realizadas para gerar tal movimento, os Educadores físicos que irão definir que tipo de movimento proporciona uma melhor performance, e por aí vai. Tem que ousar para que o resultado seja algo novo a ser utilizado pelo criador da WQ….

  6. Juliana Albuquerquer Saliba Says:

    A tarefa na Webquest deve fugir de uma lição de casa da qual estamos acostumados ver: respostas a questionários, cópias de sites da internet, lições sem sentido e sem significados para a vida prática do aluno e etc.
    Os desafios de Webquest devem estimular os alunos na criação de materiais, reportagens e etc. Deve estimular o aluno a pensar e não somente copiar e colar como a maioria dos alunos faz.
    Arrisco a dizer que uma Webquest é uma maneira de mostrar ao aluno aquilo que ele virá a fazer na vida prática e profissional. Ele não irá copiar e colar algo que já foi feito no seu trabalho por exemplo. Ele terá que pensar, analisar, fundamentar suas idéias e opiniões e também terá que saber trabalhar em grupo.
    Em relação à Webquest “A física do movimento” acredito que a tarefa não se enquadra no real propósito que é de criação, análise e etc.

  7. Luciana Maria da Silva Says:

    A WebQuest ” A fisica do movimento” tem um tema que pode ser muito bem abordado o que não aconteceu com esse grupo, já na introdução o tema é apresentado de maneira inadequado percebe-se a falta de conhecimento do grupo como o próprio Bernie diz devemos saber pra fazer e não apenas saber por saber.
    A tarefa é mal definida sem base de pesquisa, não propôe desafios e não aguça a criatividade, o processo é simples não deixa evidente a necessidade de uma pesquisa, sem intruções claras quanto aos movimentos
    WebQuest produzida fora dos padrôes básicos de uma boa instrução de pesquisas

  8. Verônica Pinheiro Says:

    Tarefa analisada :Física do Movimento
    A Webquest tem uma proposta educacional inovadora, pois visa modernizar os modos atuais de educação, temos o crescente acesso ao uso da internet, assim não se deixa em defasagem as tarefas educacionais, há a garantia de informações atualizadas e autenticas este ponto, portanto deve ser averiguado pelo autor da WebQuest. Há também o incentivo ao trabalho em equipe, para Bernie, Aprendizagens significativas são resultados de atos de cooperação. O Lado cognitivo é trabalhado, transforma-se tarefa em ação, com intuito de aflorar a capacidade de aprendizagem em reflexão e não apenas que se aprenda a reproduzir sem que antes se trabalhe os sentidos, aqui faço até menção a Paulo Freire e sua reflexão sobre a educação bancária, onde os alunos se tornam vasilhas de depósitos, portanto a tarefa proposta não pode ser considerada uma Webquest à partir do momento em que não explora estes aspectos
    A tarefa montada em um primeiro momento pode ser confundida com uma WebQuest por conter as sete , aqui no caso 8 , seções obrigatórias para se fazer uma, porém diferentemente da proposta original, não há a interação entre os participantes entre si, não há uma investigação profunda apenas conceitos a serem consultados algo que pode ser feito em qualquer material didático, falta mexer com o imaginário, criatividade.Há apenas passos à serem seguido com um tópico de consulta à internet.

  9. Taynã Cristina Tiburcio Says:

    A tarefa vai alem de uma atividade que se assemelha a um trabalho escolar, uma tarefa bem feita é aquela que exige dos estudantes um pensar que vai alem da compreensão baseada na memorização. (DODGE, 1995).
    A proposta de uma tarefa é fugir da mesmice dos conteúdos escolares esta de vê ser autentica. ( LARSEN, 1988)
    Uma tarefa deve apresentar um desafio ao aluno e trazê-lo pra algo mais parecido com a realidade, deve propor um trabalho cooperativo em que o aluno possa realizar atividades diferentes daquelas casuais, coloca o aluno em situações que acontecem no mundo real. (DODGE, 1995).
    Está tarefa claramente não alcança as expectativas de uma Webquest.
    Nesse caso o autor poderia ter proposto aos alunos uma atividade mais real, designando profissões para eles, por exemplo, o fotografo, o diretor, o editor e assim por diante. A tarefa apresentada não tem nada a ver com o cotidiano, ninguém sai tirando fotos de movimentos simplesmente por tirar. Faltou despertar o interesse dos estudantes, apresentá-los um desafio, aproximá-los mais daquilo que vivemos no dia-a-dia, estimular o trabalho cooperativo e fazer com que o aluno trasnforme as informações.

  10. Verônica Pinheiro Says:

    A Webquest tem uma proposta educacional inovadora, pois visa modernizar os modos atuais de educação, temos o crescente acesso ao uso da internet, assim não se deixa em defasagem as tarefas educacionais, há a garantia de informações atualizadas e autenticas este ponto, portanto deve ser averiguado pelo autor da WebQuest. Há também o incentivo ao trabalho em equipe, para Bernie, Aprendizagens significativas são resultados de atos de cooperação. O Lado cognitivo é trabalhado, transforma-se tarefa em ação, com intuito de aflorar a capacidade de aprendizagem em reflexão e não apenas que se aprenda a reproduzir sem que antes se trabalhe os sentidos, aqui faço até menção a Paulo Freire e sua reflexão sobre a educação bancária, onde os alunos se tornam vasilhas de depósitos, portanto a tarefa proposta não pode ser considerada uma Webquest à partir do momento em que não explora estes aspectos
    A tarefa montada em um primeiro momento pode ser confundida com uma WebQuest por conter as sete , aqui no caso 8 , seções obrigatórias para se fazer uma, porém diferentemente da proposta original, não há a interação entre os participantes entre si, não há uma investigação profunda apenas conceitos a serem consultados algo que pode ser feito em qualquer material didático, falta mexer com o imaginário, criatividade.Há apenas passos à serem seguido com um tópico de consulta à internet.

  11. Maria Isabel de Lemos Cavalcante Lopes Says:

    Desconsiderar texto anterior*
    A proposta de tarefa da WQ “A física do movimento” apresenta atividades que aos alunos possam ser agradáveis de realizar. Mas não pode ser chamada de tarefa. Isso porque, segundo o criado de WQ Bernie Dodge, o ideal de uma tarefa deve ser algo que os adultos executam na vida real, e, por meio de pesquisas na WEB, que são direcionadas pelo professor, os alunos aprendem a se aprofundar nas questões, surgindo soluções diversas para a tarefa apresentada. A proposta de tarefa da WQ em questão (capturar situações em que existe movimento), não tem essas características. O conhecimento que poderá ser adquirido tem a função ultrapassada e estática de apenas se saber sobre esse ou aquele movimento. É como estudar para o vestibular.

  12. Rosana Leite Silva Says:

    Aspectos da tarefa “A física do Movimento” que contrariam o conceito de tarefa:

     A Webquest não propõe a articulação dos saberes dos indivíduos do grupo.
     Não promove a aprendizagem cooperativa.
     Não promove a transformação da informação.
     Apesar de ser em grupo, poderia normalmente ser feita individualmente.

    Texto Analítico:

    Mesmo sendo solicitado a formação de um grupo para se fazer a tarefa, não é algo que necessitaria da integração dos conhecimentos que cada individuo do grupo possui para se chegar em um resultado final, não se propõe a articulação de saberes, pois se a mesma tarefa fosse feita individualmente chegaria no mesmo resultado, não sendo um desafio a ser feito pelo grupo mas algo que pode ser resolvido isoladamente. Com isso a aprendizagem cooperativa também é deixada de lado visto que, se os conhecimentos que cada integrante do grupo possui não são utilizados para a confecção da tarefa a troca desses mesmos conhecimentos entre eles também não é efetuada. A tarefa também não preza a transformação de informações, pois os alunos não terão que se basear em informações prévias e a partir destas e de suas interpretações chegarem a uma nova informação para a conclusão do trabalho, consequentemente o resultado final não será algo novo, mas apenas uma cópia. Isto não significa que o trabalho individual não possa ser abordado, mas ele só tem sentido se for encarado como uma fase do processo de produção, que para ser concluída tem que haver um trabalho coletivo.

  13. Rita Says:

    ANALISE DA “TAREFA” DA WEBQUEST: A FÍSICA DO MOVIMENTO

    -Não há descrição de um produto, obra ou evento;

    -Não possui as três características da taxonomia de Bloom, sendo elas síntese, avaliação e analise;

    -Não propõe um trabalho que demande transformação da informação;

    -Não é tarefa, porque não exige articulação dos saberes, para imitar negociações e integrações de conhecimentos;

    -Não há desenvolvimento de trabalhos em grupos, com uma aprendizagem cooperativa, ou colaborativa.

    -Não há proposta de um trabalho que demande transformação da informação.

    Uma tarefa deve ter como resultado, aprender com outros no processo de produzir uma obra e, ao mesmo tempo, constroem um conhecimento coletivo;

    **** Pela analise desse material e fazendo uma comparação com base no material disponível no blog, essa tarefa não é uma tarefa, porque não há formas de Avaliação, não localizei uma descrição de um produto, obra ou evento como resultado final da tarefa. Verifiquei que a Webquest “A física do movimento” não propõe um trabalho que demande a transformação da informação, não exige articulação dos saberes, imitar uma negociação e integração de conhecimentos. Para mim essa proposta de tarefa é semelhante a uma gincana. Essa “tarefa” não apresenta as três características da taxonomia de Bloom, que são síntese, avaliação e analise. E o resultado deve ter algo de novo para seus participantes e colaboradores, o que não observei nessa tarefa. ****

  14. Maria Isabel de Lemos Cavalcante Lopes Says:

    Desconsiderar anterior
    A proposta de tarefa da WQ “A física do movimento” apresenta atividades que aos alunos possam ser agradáveis de realizar. Mas não pode ser chamada de tarefa. Isso porque, segundo o criador de WQ, Bernie Dodge, o ideal de uma tarefa deve ser algo que os adultos executam na vida real, e, por meio de pesquisas na WEB, que são direcionadas pelo professor, os alunos aprendem a se aprofundar nas questões, surgindo soluções diversas para a tarefa apresentada. A proposta de tarefa da WQ em questão (capturar situações em que existe movimento), não tem essas características. O conhecimento que poderá ser adquirido tem a função ultrapassada e estática de apenas se saber sobre esse ou aquele movimento. É como estudar para o vestibular.

  15. Edson Luiz Barbosa dos Santos Says:

    A Física do Movimento

    Segundo Bernie Dodge uma Webquest deve possuir, os seguintes aspectos: Introdução, Tarefa, Processo, Avaliação e Conclusão. Além disso, ele também afirmou que a “Tarefa” é o critério de maior valor em uma Webquest, sendo assim, podemos observar em: “A Física do Movimento’ que esse critério deixa a desejar, uma vez que o autor da Webquest não utilizou este recurso com bastante “entusiasmo”, ele não consegue atrair os sujeitos para a sua realização.
    O “Processo” foi um critério interessante nessa Webquest. Apesar de alguns itens não terem sido utilizados, ele conseguiu uma coletânea de sites interessantes para a física.
    A “Avaliação” foi outro critério que apresentou-se atrativa ao olhos de um avaliador, como a Webquest objetivo um nível cognitivo alto, os alunos iniciantes não se intimidariam em participar desta atividade, porém eles sentindo-se motivados a participarem dela, possivelmente obterão bons resultados por saberem que eles podem chegar a qualquer nível da avaliação.
    Em suma, o autor deveria editar sua tarefa para torná-la atraente e objetiva, de maneira a atrair o sujeito para sua realização.

  16. Carolinna Chiappini Bertasso Says:

    • Não possui as três características da taxonomia de Bloom que são síntese, avaliação e analise;
    • Não propõe um trabalho que demande transformação da informação;
    • Não há descrição de um produto, obra ou evento;

    Esta tarefa não é tarefa, pois segundo nosso material de apoio temos alguns quesitos que definem uma tarefa e esta no caso não se enquadra nestes quesitos.
    A tarefa deve exigir articulação de saberes, propor um trabalho que demande conhecimento, uma transformação da informação e deve ser autêntica. Ao fazer a análise estes conceitos estão visivelmente ausentes o que acarretará em um resultado sem sentido, no qual não irá integrar e nem interagir os diversos saberes dos alunos e consequentemente não trará uma aprendizagem cooperativa que seria revertida em um conhecimento coletivo. Em minha opinião a tarefa proposta em “A Física do Movimento” se parece mais com uma oficina ou até mesmo uma gincana, o que não vem ao caso para este tipo de atividade.

  17. CLAUDIO RODRIGUES DA SILVA Says:

    A Física do Movimento

    A tarefa solicitada nessa webquest requer que o aluno crie uma seqüência utilizando fotos ou vídeo que mostrem a presença de movimento.
    De acordo com a apostila, o aluno deve obter informações de diversas fontes e somar num mesmo formato, seja um texto, um relatório, resenha ou crítica. O importante é que o aluno pesquise, adquira conhecimento e a partir daí relate ou realize fatos ligados à rotina ou ao cotidiano, trazendo para a vida real o aprendizado adquirido.
    Outra função da tarefa é cumprir um objetivo proposto para resolver a questão apresentada na webquest, ou seja, não se trata apenas de uma brincadeira virtual, mas sim uma ferramenta através da qual soluções podem ser aplicadas e problemas resolvidos. Uma seqüência de fotos ou vídeo provam a existência do movimento, mas fica uma questão abstrata, não responde nada, não resolve nada.
    (Claudio Rodrigues da Silva)

  18. Josiane Araujo Barbosa Says:

    A WebQuest ‘Fisica do movimento’ é um tema que poderia abranger uma tarefa diferente, ela deveria ter uma problemática. Primeiramente os alunos deveriam entender o por quê é necessário o movimento no dia-a-dia. E deveria ter envolvimento de assuntos, ser simplismente interdisciplinar. A tarefa nesta WebQuest é individualista e não colocar o aluno em uma situação real, também não ajuda o aluno a utilizar a internet como ferramenta de novos saberes, simplismente ele utilizará o Google, CRTL + C e CRTL+V, sendo que a WebQuest é para o aluno interagir em grupo, se posicionar em situação reais e aprender a utilizar a internet como ferramenta e não somente para ganhar tempo em pesquisas.

  19. André Ribeiro da Silva Says:

    A WebQuest analisada foi “A física do movimento”. Realmente foge aos padrões de WQ’s conforme pudemos ver ao longo do ano letivo, pois a proposta poderia ser boa, desde que fosse desenvolvida de maneira a obedecer aos padrões de WQ’s, apesar de que o Bernie Dodge não é tão criterioso assim, mas devemos ter coerência nos argumentos, quando nos propusermos a desempenhar um material com qualidade e com foco na proposta de WQ.
    Pude notar que, não há tanta ou quase nada de interação dos alunos e o cooperativismo foi deixado de lado. E a base para promover o trabalho? Não há! Apenas comecem e utilizem materiais tais como “câmera ou celular”, isso foi o pior, não houve orientação tão adequada para tanto.
    As pessoas estão ficando ou permanecendo tecnicistas de mais, novidades não são aceitas e algumas coisas são muito ruins mesmo.

  20. Dionis Galdino Says:

    Webquest: A Física do movimento
    A tarefa proposta nesta webquest contraria o conceito de tarefa conforme a proposta original de Bernie Dodge, está não propõe um desafio, algo que estimule e instigue os aprendizes, mas, coloca a tarefa como um exercício escolar: “capturar situações onde existe movimento”. E como sugere na apostila , no tópico “a estrutura da webquests”, a tarefa é o coração da webquest, e esta por sua vez deve fugir do artificial e ser autêntica. Está deve ser desafiadora e deve mostrar a meta de seu autor. Outro fator é a falta de clareza e objetividade que está webquest nos apresenta, pois esta deixa tudo em aberto, milhares de opções e não orienta os aprendizes para uma meta estabelecida. Além disso, a tarefa não coloca no seu escopo o objetivo chave do trabalho, a linguagem é instrumentalista, onde não se permite um espaço de autenticidade, mas um processo mecânico. Os esforços dos aprendizes são quantitativos, não qualitativo para chegar ao produto final, ou seja, há uma soma de forças e não uma troca para um produto final. E por fim a internet aqui não é utilizada como principal fonte para o conhecimento, ou seja, não há o pesquisar, mas os recursos, ou seja, os links são apenas complementos para a realização da atividade.

  21. Gabriella Machado Mendes Says:

    Listagem dos aspectos que contrariam os conceitos de tarefa: – Não há algo que os faça desenvolver a cooperação entre os participantes, não nota-se uma transformação da informação e nem a articulação entre os saberes. Esta WebQuest não necessita obrigatoriamente que haja participação de um grupo, pode muito bem ser feita individualmente. Não há uma problemática, algo que os façam produzir algo novo, parece ser mais um ato mecânico.
    Texto analítico: Na WebQuest “A Física do Movimento´´ é apresentada uma tarefa em que os participantes terão que registrar fotos e vídeos de situações que contenham movimento e depois fazer a identificação de cada tipo de movimento. Pode-se notar que nesta tarefa, os participantes não terão uma tarefa a qual faça com que eles reflitam ou exercitem a cooperação entre eles não se tem um propósito, parece ser apenas algo mecânico, isto se difere com a idéia desenvolvida por Bernie Dodge, que de acordo com ele exige uma articulação de saberes, tem que haver uma cooperação os participantes envolvidos terão que trocas idéias e aprender uns com os outros para ter um conhecimento coletivo, os participantes devem refletir, pesquisar e compreender o assunto para que não corra o risco de se ter ao final uma copia e sim um material novo sobre o assunto abordado, tem que haver uma mudança no participante, ele não deverá realizar a tarefa só como ato mecânico, terá que articular entre os conhecimentos do grupo para chegar a uma conclusão.

  22. Dionis Galdino da Silva Says:

    Webquest: A Física do movimento
    A tarefa proposta nesta webquest contraria o conceito de tarefa conforme a proposta original Bernie Dodge, está não propõe uma desafio, algo que estimule e instigue os aprendizes, mas, coloca a tarefa como um exercício escolar: “capturar situações onde existe movimento”. E como sugere na apostila , no tópico “a estrutura da webquests”, a tarefa é o coração da webquest, e esta por sua vez deve fugir do artificial e ser autêntica. Está deve ser desafiadora e deve mostrar a meta de seu autor. Outro fator é a falta de clareza e objetividade que está webquest nos apresenta, pois esta deixa tudo em aberto, milhares de opções e não orienta os aprendizes para uma meta estabelecida. Além disso, a tarefa não coloca no seu escopo o objetivo chave do trabalho, a linguagem é instrumentalista, onde não permite um espaço de autenticidade, mas um processo mecânico. Os esforços dos aprendizes são quantitativos, não qualitativo para chegar ao produto final, ou seja, a uma soma de forças e não uma troca para um produto final. E por fim a internet aqui não é utilizada como principal fonte para o conhecimento, ou seja, não há o pesquisar, mas os recursos, ou seja, os links são apenas complementos para a realização da atividade.

  23. Clelia Alzira dos Santos // 200707669 Says:

    Webquest: A física do movimento

    A Webquest é um meio em que alunos e professores podem aprofundar um assunto, usando como recurso principal a internet, é uma pesquisa detalhada na qual são utilizadas várias fontes a fim de chegar a alguma conclusão sobre um determinado assunto.
    Essa webquest não está de acordo com o proposto por Dodge, a princípio a introdução não fornece muitas informações a respeito do assunto e a tarefa é bastante simples e não desafia o aluno, pois sugere apenas que ele registre objetos em movimentos, não fundamenta o real motivo da escolha do tema, portanto o compromisso do aluno com a tarefa é muito básico. E é preciso saber se a escolha do tema e conteúdo da proposta é clara e de que modo ajudará o aluno em seu aprendizado sobre o tema.
    A tarefa proposta não aborda o assunto de modo criativo, não coloca o aluno em uma situação que ele tenha que se envolver com o processo e “destrinchá-lo” para que possa realiza-lo e a principal ferramenta utilizada para webquest, a internet, não aparece citada como fonte de pesquisa.
    Faltou melhor elaboração do trabalho e criação de uma proposta que envolvesse o aluno com o tema, a fim de que ele possa obter algum conhecimento sobre a matéria.

  24. Valdene Says:

    WebQuest: A física do movimento.

    A Webquest analisada não é um bom exemplo de tarefa. O tema escolhido não vem acrescentar nada ao trabalho do professor em sala de aula. O tema abordado deve, além de despertar o interesse do aluno, servir como uma atividade que venha integrar o plano de aula do professor. Não há muitas fontes para pesquisa, contando somente com a percepção do aluno no momento da captura das imagens. A tarefa deve ser algo desafiante, que motive o aluno e que acima de tudo venha trazer mais conhecimento e na webquest analisada isso não acontece. A interação entre os alunos é quase nula o que também não é desejável.

  25. Carolina Müller - 1APGN Says:

    O que pude perceber nessa “tarefa” é que a proposta não provoca no aluno o desafio de ir em busca da sua própria aprendizagem, tarefa não é uma simples atividade. Tarefa (na minha opinião) é fazer com que o aluno produza conhecimento através dos recursos dados, é analisar pesquisar e realizar a sua tarefa com os conhecimentos adquiridos na webquest.
    Bom, espero estar certa, ou pelo menos próxima disso.

  26. Jussara Téles Says:

    A webquest analisada não possui a alma que se faz necessária para consolidar-se como tal.Na proposta apresentada não houve interaçao e nem produção á partir dos conhecimentos .Como diz Levy,trabalhar quer dizer,cada vez mais,aprender,transmitir saberes e produzir conhecimentos.Neste caso em especial a tarefa sequer utilizou-se da ferramenta necessária a pesquisa e interação on line.

  27. Dariany Paula da Silva Says:

    Dariany Paula da Silva 200908907

    A web quest fisica da movimentaçao mencionada pelo professor,nao e a mesma que Bernie,criou.
    bom nessa Web quest eles,fazem os alunos a pensarem so movimentarem,onde o nome naum especifico,pode confudi-los e ate perderem o entusiasmo pela mesma,nao desenvolve nao num conecimentos para eles.

  28. Lidiane Guirra Says:

    A Webquest analisada foi a Física do Movimento. Suas tarefas não correspondem ao padrão de uma Webquest, ou seja, não há o trabalho em equipe por parte dos alunos, a aquisição de novos conhecimentos por meio desta e nem o produto final, que é o essencial em uma Webquest, pois irá dizer o que se espera do aluno ao final do trabalho.
    Tarefas , muito simples e sem finalidade.

  29. Juliana Duarte Ferreira Says:

    Webquest analisada: A Física do Movimento

    Após ler e reler a WQ e principalmente a tarefa pudemos perceber que realmente como o professor Jarbas comentou, essa WQ não está de acordo, não seguindo as regras da proposta original, que segundo Bernie Dodge tem o objetivo desenvolver a pesquisa dos alunos em sites da Internet com critérios e perguntas especificadas pelos professores, fazendo com que os alunos pesquisem sobre o assunto proposto na WQ e depois resolva sua tarefa. Nessa WQ não foi proposto uma atividade que estimulasse a pesquisa e o conhecimento do aluno, pois o aluno simplesmente precisava arrumar uma câmera de vídeo ou até mesmo um celular, como dito na WQ e filmar movimentos de física, sendo que todos os movimentos estavam explicados, ou melhor dizendo “mastigados” nos links, então os alunos apenas teriam que encaixar a filmagem em um dos movimentos citados pelo criadores da WQ e estaria realizada a tarefa. Não estimulando em nenhum momento a pesquisa, principal objetivo de uma WQ.

    Juliana Duarte Ferreira
    1APGN

  30. Boaz Oliveira da Silva Says:

    Em decorrência de problemas de conexão e acesso as duas primeiras Webquest’s, pude analizar apenas a terceira que aborda a FÍSICA DO MOVIMENTO. Nesta Webquest não identifiquei a estrutura que nos foi transmitida pelo professor em aula, e também pelo formato de Webquest de Bern Dodge. Nesta Webquest não vejo o trabalho em equipe ser realizado, o que ajuda e muito no aprendizado de novos conteúdos e conceitos, e o mais importante, a mesma não apresenta um produto final, característica que define uma webquest.

    Boaz Oliveira da Silva
    Tecnologia Educacional (Sexta Feira / 19:10)
    bocaz@hotmail.com

  31. Priscila Barros Costa Says:

    Ao ler e reler a tarefa da Webquest: A física do movimento, pude comprovar que não está conforme a proposta original de Bernie Dodge. Uma parte que ganha muito destaque é o ato de levarem os educandos a memorização e não a estimular a pensar, se prendem muito a um ato mecânico e a processos mecânicos de conteúdos, que mesmo sendo ensinados de diferentes maneiras sempre vão chegar em um mesmo resultado, não proporcionando uma autonomia.O que é fornecido para que os educandos realizem a terefa é praticamente a tarefa pronta, pois não muda, é aquilo e não muda.

  32. Luciana Paulino Says:

    Segundo a proposta do professor Bernie a tarefa é a alma da webquest, o que exige sua boa elaboração. Para o aluno executar uma tarefa é preciso saber para fazer, o que difere-se de atividades escolares que muitas vezes o aluno sabe por saber e pronto. Ela deve ser elaborada de forma imperativa, para ser clara ao educando, o que não se identifica na tarefa analisada. Conclui-se, que na tarefa da webquest “A física do movimento” o aluno não sabe exatamente o que fazer, devido à ela não ser bem definida, o que não causa entusiasmo e motivação no aluno. Portanto, não é uma tarefa de webquest, principalmente por não ser criativa e desafiadora.

    Aluna: Luciana Paulino Ra 200812343
    Licenciatura horario: 19h10

  33. Marcos José Rocha (lic.sexta) Says:

    A Webquest “Física do Movimento”; no item tarefa falhou por não produzir conhecimento e está bem clara a falta de interação entre os componentes do grupo.
    “É preciso romper completamente com uma concepção ativista e buscar desafios que correspondam a usos significativos do conhecimento”.
    (Extraído de Boteco Escola)
    Nota-se que a tarefa solicitada é totalmente ineficaz.

  34. Grazielle Eduardo RA: 200807667 Says:

    Para uma boa WQ é necessário que se defina bem a tarefa, ou seja, a tarefa deve ser
    apresentada de forma clara, com uma prévia explicação, mais objetiva. Pois de acordo
    com o Profº Bernie devemos saber para fazer e não saber por saber,e para isso é necessário que se pesquise à fundo sobre o tema que será oferecido aos alunos. È fundamental que não só a tarefa mas toda a web seja estimulante, e que faça com que os alunos se libertem e de asas a imaginação, que consigam resolver situações as quais não estão acostumados a lidar para isso é necessário que exista uma preocupação do próprio formato desta web disposto a esclarecer o que for preciso.
    Nessa WQ percebe-se que não esta bem elaborada a tarefa , o tema é interessante e poderia ter sido trabalhado de forma mais clara, talvez apresentado de uma forma diferenciada a atividade e ter focado um ponto do movimento, por ser um campo extenso.

  35. T Says:

    Engraçado, em três atividades propostas, seus alunos escolheram a Física do Movimento!!! depois dizem que os profs. de ed. Física não aproveitam a liberdade instalada para elaborar atividades que deixariam os demais “pedagógicos”professores boquiabertos.
    Não li, mas vou ler, não sou sua aluna, mas vou dar uns “bitaites’aqui.
    A cho, achismo, que a nova proposta vai muito além das competências que atualmente propõem_ procedimentos, atidudes e conceitos.
    A utilização dos verbos é tremendamente falha em proposição de tarefas e no seu ultimo slides, ou o que eu vi na Miriam salles, encontramos bons verbos na proposição de tarefas..
    Olha, nem devia estar aqui a digitar, porque não sigo a linha do pensamento do jarbas; mas por exemplo os verbos de ação, para professores de portugu6es e para os de ed. física são sensacionais para descobrimos e estudarmos, a física do movimento engloba verbos de ação.. Em outro slides o jarbas propõe:
    (p/ professores) Planejar, decidir, prever, julgar, criar, APlicar, Analisar e explorar..
    nem sei se ajudei ou atrapalhei :DDDD abraço mas foi bom ler!

  36. T Says:

    nossa, desculpem os errinhos de digitação.. que falha .. leiam Jarbas! ok bye

  37. Suelen Pina (1APGN) Says:

    Analise de tarefa em webquest. A webquest analisa foi ” A fisica do movimento”.
    A tarefa não esta de acordo com a proposta de Bernie Dodge, pois nao faz o uso da transformaçao do cohecimento, nao notamos a presença do trabalho cooperativo.
    A tarefa nao propoem aos alunos um conhecimento mais amplo com relaçao ao assunto abordado, que tem vários aspectos a serem estudados. Falta clareza e objetividade. Falta o estimulo para o educando. nao tem proposta de desafio.
    Se fossemos analisar todos os criterios dessa webquest, todos estão fora do conceito proposto.

  38. Elizabete Guimarães Says:

    a alma de uma boa WQ é conseguir fazer que o aluno construa seu próprio aprendizado. Desse modo é preciso haver sentido no que se faz e não apenas fazer por fazer.
    Qual o aprendizado construído em sair tirando fotos de movimentos?
    essa web quest não ofereceu uma direção ao aluno só impos um trabalho, sem retorno.
    certa vez assisti uma reportagem sobre uma aula que a professora mandava o aluno sair e fotografar anuncios de serviços que continham erros ortográficos.Ex: vendece candida. essa tarefa usou o conhecimentto prévio do aluno e depois ele poderia usar fonte de informação para descobrir a forma correta.
    na WQ do movimento não houve aproveitamento do conhecimento do aluno portanto não proporcionou interação na aprendizagem
    também da forma que foi redigida não há implicação do uso da internet.
    portanto é produção sem significação.

  39. Luciana Says:

    Análise da webquest “A física do Movimento”

    Segundo a proposta do professor Bernie a tarefa é a alma da webquest, o que exige sua boa elaboração. Para o aluno executar uma tarefa é preciso saber para fazer, o que difere-se de atividades escolares que muitas vezes o aluno sabe por saber e pronto. Ela deve ser elaborada de forma imperativa, para ser clara ao educando, o que não se identifica na tarefa analisada. Conclui-se, que na tarefa da webquest “A física do movimento” o aluno não sabe exatamente o que fazer, devido à ela não ser bem definida, o que não causa entusiasmo e motivação no aluno. Portanto, não é uma tarefa de webquest, principalmente por não ser criativa e desafiadora.

    Aluna: Luciana Paulino Ra 200812343
    Licenciatura

  40. Fernanda Riston 1APGN Says:

    A WebQuest foi: A física do movimento.
    A tarefa é um tanto quanto vaga, pode ser feita por qualquer um, em grupo ou sozinho. A todo momento capturamos imagens, sejam com os próprios olhos ou com uma máquina fotográfica. Não está de acordo com a Tarefa proposta por Dodge – que devemos saber para fazer e não apenas saber por saber. E apenas registrar tipos de movimentos é saber por saber. Seria melhor ter sido colocado em uma parte da tarefa, não ser a Tarefa propriamente dita.
    A Tarefa deve ser bem estruturada e definida, mas nessa WebQuest, ela fica vaga, pode se tirar milhares de conclusões diferentes sobre a proposta. Já que é a alma do nosso trabalho, ela deve ter algo bem fundamentado, e interessante, que faça quem for respondê-la pensar criativamente para se resolver a questão.
    Não promove o trabalho cooperativo, pois é possível de se fazer individualmente.
    Portanto, na WebQuest A física do movimento, a Tarefa não foi bem sucedida, pois, dentre outras coisas, não utilizou recursos da internet para a consulta, como manda o figurino.

  41. IZABELA MATIAS_6ªFEIRA_19H Says:

    Webquest: A Física do movimento

    A tarefa desta webquest não estimula o trabalho em equipe, a criatividade e a transformação do conhecimento.
    Individualmente os alunos seriam capazes de registrar imagens de movimento e justificá-las utilizando os links indicados.
    Esta justificativa também poderia ser feita através de qualquer livro didático, não se fazendo necessário o uso da internet em nenhuma etapa para a realização da tarefa.
    O produto final não estimula a criatividade e a transformação dos conteúdos adquiridos através de pesquisa, é apenas uma cópia de conceitos obtidos através dos links indicados.
    Desta forma é possível verificar que o conceito de webquest está sendo contrariado.

  42. Ana Tânia Matos Says:

    Esta tarefa não segue inteiramente o que é proposto por Bernie Dodge, pois não abrange todos os aspectos da taxonomia dentro de uma WebQuest: compreensão, aplicação, análise, síntese e avaliação.
    Vemos uma produção que se limita a fotografar movimentos e identificá-los – não há a possibilidade de alterar uma realidade existente. O participante não “aprende a aprofundar-se” como diz o próprio Dodge, em sua entrevista a STV, pois a atividade se fecha no proposto na tarefa.

  43. Amanda Mirtes de Morais Says:

    A webquest é um mneio que o professor Bernie Dodge encontrou para que o professores pudessem a internet como ferramenta de ensino ,e levassem os aprendizes a buscarem conhecimento sobre o tema proposto,e ao finalizar estariam concientizados sobre o tema abordado.
    A webquest Física do movimento foge da proposta de Bernie, pois em momento algum faz com que o aluno seja um pesquizador,pois a tarefa já está quase pronta.

  44. Natalia Dogue - licenciatura Says:

    A Web Quest analisada foi a “Física em Movimento”.
    Segundo os princípios de Bernie Dodge a Tarefa deve ser motivadora causando interesse em seu público alvo, e eles irão adquirir conteúdos através de sua realização. Dessa maneira a tarefa proposta na Web Quest em questão não atende aos requisitos de uma boa tarefa, na qual os alunos não precisam raciocinar, é necessário apenas ler que está tudo “esplicadinho”. Além do mais nessa tarefa a internet não é principal fonte para sua resolução.
    Sendo assim a tarefa, que segundo a apostila de apoio, é o coração da web quest, deve ser inovadora, portanto a Web Quest A Física em Movimento não possui alma.

  45. Natalia Dogue - licenciatura Says:

    A Web Quest analisada foi a “Física em Movimento”.
    Segundo os princípios de Bernie Dodge a Tarefa deve ser motivadora causando interesse em seu público alvo, e eles irão adquirir conteúdos através de sua realização. Dessa maneira a tarefa proposta na Web Quest em questão não atende aos requisitos de uma boa tarefa, na qual os alunos não precisam raciocinar, é necessário apenas ler que está tudo “esplicadinho”. Além do mais nessa tarefa a internet não é principal fonte para sua resolução.
    Sendo assim a tarefa, que segundo a apostila de apoio, é o coração da web quest, deve ser inovadora, portanto a Web Quest A Física em Movimento não possui alma.
    Assim a autonomia do educando fica privada aquele exercício pequeno, não permitindo que o aluno explore a internet e expanda seus conhecimentos.

  46. Monique Tomás de Carvalho Says:

    Na WebQuest “A física e o movimento” é notório que a tarefa não foi bem desenvolvida e que seu valor enquanto parte educativa foi perdido na construção. O maior objetivo de uma webquest,principalmente esta que envolve uma disciplina de difícil entendimento dos alunos,é dar a oportunidade de desenvolver suas capacidades e fazê-los pesquisar,pensar.Nesta webquest,tudo ficou “simples” demais para os alunos,pois não os faz pesquisar sobre o tema proposto,o que sgnifica uma grande falha na construção deste método.Para tornar uma webquest realmente educativa até mesmo interessante para os alunos,é necessário dispor de uma tarefa que os instiguem,que desperte neles a vontade de entender o assunto em questão,mesmo este sendo complicado.O segredo de um webquest de sucesso no entendimento dos professores a alunos é quando esta consegue atingir níveis diversificados de conhecimento,trazendo para sala de aula uma forma inovadora e diferente de aprender,e ensinar os alunos a aprender a aprender,sem que isso se torne massante ou tedioso para ambas as partes(aluno e professor).

  47. Camila da Silva Galvão Dias (1º APGN-2009) Says:

    Achei a o tema da Web Quest interessante, porém esperava mais das tarefas propostas que foram muito rígidas e limitadas, parecia que o educador queria controlar o trabalho dos alunos, sendo que o papel deste é orientar o processo. Com isso não foi dado ao educando a possibilidade de pensar e transformar essas informações em conhecimento, apenas foi pedido para realizar uma pesquisa e entregá-la ao professor.
    A tarefa não se enquadra em nenhum dos modelos encontrados na apostila de web quest, pois a mesma requer recursos externos a Word Wide Web; por isso não a classifico como web gincana onde os as tarefas propostas são fundamentadas em sites confiáveis e para ampliar os recursos algumas utilizam-se de videoconferências.

  48. Egilsa Francisca Says:

    Egilsa Francisca

    A física do Movimento

    De acordo com as exigências de um modelo criado pelo prof. Bernie é necessário para a execução da tarefa que haja uma compreensão do tema. Para que o mesmo possa ser executado com eficiência é necessário determinado conhecimento, ou seja, deve se existir uma explicação clara.

    O objetivo de uma web quest deve ser motivar os estudantes tanto na didática quanto na estética, acredito que quanto mais criativa mais chamará a atenção do aluno e é justamente o que não se vê nesta web

    O modo como se sugere a tarefa passa a impressão de que não houve uma preocupação em se esclarecer o tema. A web de um modo geral parece mostrar um trabalho despreocupado em atingir pontos estremamente importantes faltando: objetividade, clareza.

  49. Damarys Nastri Says:

    A webquest analisada foi a ” fisica do movimento”, que por sua vez apresenta sua tarefa de forma muito vaga. Não explora os conhecimentos que os alunos já possuem sobre o assunto proposto, por exemplo quando pede para que formem grupos e busquem os movimentos que já existem ao seu redor ao inves de pedir que eles criem sua própria ideia de movimento,além de não instigar a pesquina que é parte essencial para atingir o real obejtivo da webQuest.A tarefa não se mostra estimuladora , não propõe um desafio que explore a criatividade apenas oferece algo que esta pronto , o que acaba causando desinteresse em que a realizará.

  50. Amanda Garcia Says:

    Na análise das tarefas da Webquest “A física em movimento” é perceptível a falta de coerência com o que realmente é proposto a uma tarefa. Segundo o professor Jarbas as tarefas funcionam como um desafio onde os alunos devem cooperar entre si e utilizar os conhecimentos construídos fora do contexto escolar. Ela deve se diferenciar dos trabalhos escolares que tem utilidade apenas dentro da escola. As tarefas devem permitir que o aluno crie, recrie e agregue seus saberes às informações pesquisadas na internet, deve ser autentica e deve transformar as informações em conhecimentos. A tarefa da Webquest em questão a proposta é direcionada sem opção de uso dos conhecimentos prévios dos alunos e não é desafiante.

  51. lilian cristina de souza Says:

    WebQuest – A física do Movimento

    A primeira divergência é que uma webquest é dirigida, no qual as in formações quais os aprendizes interagem são originadas de recursos da internet, e nessa web se pede para que os integrantes da atividade tirem fotos para identificar a atividade proposta…
    A segunda divergência é que o processo de divisão do grupo não está muito clara e objetiva, as situações escolhidas pelos criadores é de proposta infinita.
    Definição de WebQuest

    Webquest é uma atividade de pesquisa orientada em que toda parte da informação com que os alunos interagem provém de recursos da internet, opcionalmente enriquecidos pela videoconferência.
    Bernie Dodge, 1995
    Recursos:

    A ideia da WQ é utilizar todos os recursos da internet, nesse caso, a utilização de livros não é recomendada. A ideia é interessante mais não entra no contexto de uma WebQuest.

  52. Thiago Emanuel Simões dos Santos Says:

    Ao ler a proposta de tarefa da Webquest Física do Movimento, observei que a mesma não atinge os padrões necessários para uma Webquest, pois a tarefa sendo o coração de uma a Webquest, ficou muito sem vida não possibilitando uma integração entre os alunos, não possibilita adquirir novos conhecimentos nem sequer se faz necessário a utilização de pesquisas na internet.
    Resumindo essa Webquest não está atingindo aos padrões exigidos para uma Webquest.

  53. damarys nastri Says:

    A WebQuest analizada é ” a fisica do movimento” , que por sua vez apresenta sua tarefa de forma muito vaga. Não explora os conhecimentos que os alunos ja possuem sobre o assunto como, por exemplo, quando pede para registrem movimentos já existenten ao seu redor ao inves de fazer om que criem sua própra ideia de movimento. Não apresenta nada que recorra a pesquisa o que faz com que não atinja o real objetivo da WebQuest.Não apresenta caracteristicas que que estimulem um desafio pois esta paraticamente pronta, e isso causa desinteresse para que a realizará.

  54. fernando...rai....1APGN Says:

    A tarefa analizada da WebQuest “A física em movimento” deveria, de acordo com a proposta de Bernie Dodge, ser motivadora e desafiadora, que tenha a ver com a vida real, e claro, que realmente possa ser realizada. Sabemos que não colocar a tarefa com um sentido didático escolar não é fácil, mas a proposta é esta, caso contrario não podemos chama-la de WebQuest. Assim posso concluir que colocar em uma WQ de acordo com o proposto, é uma dificuldade, e a interação e o desafio deixou a desejar nessa WQ.

  55. Jéssica Cristina Arão Says:

    Ao ler a webquest mencionada pelo professor Jarbas pude perceber com clareza que nao segue a proposta original de Bernie Dodge, pois nao provoca interação e não pede produção com os conhecimentos adquiridos.
    A tarefa básica que pede interação online entre os alunos e pesquisa para a produção não foi realizada na “webquest” A Física e o Movimento.
    Esta webquest precisaria ser analizada para questionar o aluno,fazê-lo pesquisar e interagir sempre.

  56. Vanessa e Silva Barroso Says:

    A proposta da tarefa (como os próprios produtores afirmam) é tão simples que não alcança o objetivo de uma tarefa de webquest. A tarefa sugerida não requer pesquisa e envolvimento dos alunos, portanto não há aprendizagem cooperetiva, transformação da informação em conhecimento apenas traz um recurso diferente para classificar os movimentos .
    A tarefa não estimula a curiosidade do aluno pelo assunto sugerido, não é possível identificar a chance de uma possível ampliação do assunto estudado, pela falta de pesquisa e não ter contato com novas informações.

  57. Juliana Cardoso Says:

    Em vez de desafiar, estimular e motivar o educando, a WQ “A física do movimento” busca a memorização por meio de imagens. O aluno apenas faz registros com fotos, em vez de praticar o movimento, que é o tema trabalhado.
    Por isso vai de encontro o conceito estipulado por Bernie Dodge. A Tarefa é a essência da Web Quest, é a discrição de um produto esperado por alguém, ou seja é a realização bem sucedida da atividade instigando a o aprendiz a compreender.
    Por isso a tarefa deveria ser reestruturada de forma correta, a fim de trazer ao aprendiz experiências e aprendizagens.

  58. jacqueline Silva dos Santos Says:

    webquest: “física do movimento”
    A webquest analizada não apresenta uma tarefa factível e motivante, porque não proporciona para os estudantes um estudo mais profundo sobre o tema, não fazendo com que desperte a compreensão e a aquisição dos seus conhecimentos. Assim fica claro que esta webquest precisa de recursos diversificados.

  59. T Says:

    boa tarefa Prof. Jarbas!!!

  60. Andressa castro Says:

    Sobre a webQuest “QA física do movimento”
    Ao deparar com a animação desenvolvida para este trabalho por um momento acreditamos que ele será repleto de propostas divertidas e inovadoras, onde muitos gostariam de participar e que seria fácil de compreender sua funçã.
    Porém nossa opinião poderá mudar a medida que continuamos a leitura desta webQuest.
    Para começar, a tarefa não fica clara e não provoca no participante uma conexão entre ela e a realidade. Não há uma contextualização entre o movimento e o mundo ao nosso redor. Não se sabe o porquê da captura destas imagens em movimento. Sendo assim a tarefa não é compreendida facilmente, o que pode levar logo de primeira o estudante a se desestimular já que não há desafio e sim um simples exercício. Falta a provocação como instrumento inicial.
    Sobre o processo as pergunta seriam as seguintes: “Para que estou fazendo tudo isso?” “Qual a ligação deste trabalho com a realidade que me rodeia?”
    Mais uma vez venho a enfatizar que não há ligação entre a tarefa e a realidade que o aluno poderá enfrentar em um futuro próximo.
    E ao término podemos notar que não há a valorização do trabalho em equipe. O conhecimento adquirido através das pesquisas ou mesmo do cumprimento das tarefas não é alinhavado. A tarefa é individualizada não propiciando uma interatividade e real execução em equipe.

  61. Nathália Fávero Jacobsen Venaglia Formação de Professores (Sextas 19h10) Says:

    Para vefificar que a tarefa da WQ ” A matemática e o jogo” não atinge as expectativas do conceito de tarefa, basta ler um trecho de uma das publicações feitas no próprio Boteco escola: “…é uma exigência de autenticidade. Ou seja, exigência de uso dos saberes em contextos significativos da vida cotidiana. A Tarefa não é, portanto, um “trabalho escolar”.
    Pedir que uma atividade seja realizada apenas definindo o que cada um fará nada mais é do que um trabalho escolar e não sugere um contexto fora do cotidiano da escola que resulte numa construção significativa de saberes.

  62. Meire Rose C Souza - RA 200608560 Says:

    A tarefa analisada na WebQuest:”A física do Movimento” realmente não é caracterizada como uma boa tarefa se analisarmos as orientações de Bernie Dodge. Esta parte do trabalho é essencial e deve demonstrar claramente a intenção daquela atividade bem como apresentar um exercício de aprofundamento do assunto trabalhado. Verificando a atividade proposta observa-se que o participante obterá informações superficiais acerca do assunto e a atividade não será capaz de ampliar o conhecimento ou mesmo instigar o interesse do aluno. Avaliando dessa maneira afirmamos que não se trata de uma boa tarefa para WebQuest, além de não propiciar trabalho em grupo e diante dos aspectos observados.

  63. Patricia Mendes da Silva Says:

    A física do movimento

    Em web quest a tarefa deve servir como um desafio para os alunos, possibilitando conhecimento e significado do tema estudado.
    Essa Web Quest poderia ter sua tarefa classificada como Tarefa de Repetição, pois, a mesma não apresenta características de uma web quest, pois a tarefa requer uma pesquisa simples e resposta direta à questão levantada, não correspondendo ao modelo criado por Bernie Dodge, não sendo uma web quest, mas sim de um trabalho escolar.
    A tarefa está mal definida, não deixando claro o objetivo da pesquisa e também não propõe desafios aos alunos durante a pesquisa. O modelo da mesma, apesar de solicitar a formação de grupo, não necessita da integração efetiva dos participantes, sendo possível ser feita individualmente não necessitando de articulação de saberes para chegar ao resultado final.

  64. Textos sobre tarefa em WebQuest « Boteco Escola Says:

    […] Não é tarefa […]

  65. Daniela Miranda (Licenciatura 17h20) Says:

    Não tenho a apostila a que o Sr. se refere… Aguardo o envio dela por email, ou a entrega na próxima aula. Depois comento neste link apropriadamente!
    bjs
    Danny

  66. Gledison João Tomasi Rocha(Licenciatura) Says:

    Professor Jarbas, também concordo que as 3 tarefas da webQuest listadas e encaminhadas à você acima não são o melhor exemplo de tarefas em Webquest, pude observar que foram tarefas direcionads a levantamento de dados ou uma revisão “bibliográfica” via on line, o que pude perceber é que a proposta de Bernie Dodge exige uma mudança radical na percepção e realização de uma tarefa em webquest “saindo” do trabalho rotineiro escolar!
    Abraço,
    Gledison

  67. José Says:

    Prof. Jarbas, escolhi as duas primeiras para valiar e detectei que elas não são tarefas de acordo com o que é pedido pelas Webquests, pois são controladas, não propõem uma solução e não exigem do aluno um desafio voltado para a realidade.

    José
    Licenciatura

  68. Cilene Cristina Camacho Ribeiro Says:

    Boa Tarde Prof.
    Como foi dito acima, a tarefa da webquest dever ser um desafio para os alunos, não somente uma simples busca por uma resposta ou foto, fugindo totalmente da proposta de Bernie Dodge, por isso devemos em nossa tarefa tomar o devido cuidado para o erro não se repetir. Pois atraves dos textos postados, temos bons exemplos a serem seguidos.

  69. Michele Says:

    Boa tarde, Professor Jarbas.

    Ao ler e analisar os links sobre matemática, verifiquei que não se trata de uma Webquests, pois as tarefas são totalmente voltadas a um sistema tradicional conteudista e controlado de pergunta e resposta. Dessa forma, não envolve um desafio dinâmico e criativo.

    Bjs
    Michele Sabino

  70. Vanderlei André Cima Says:

    Li os comentário sobre meu trabalho e vou considerá-los como crítica construtiva… Sou o autor da “quase” webquest -A Física do Movimento. Conheço o meio acadêmico e sei aceitar essas e outras críticas…. Sou mestre em Educação Científica e Tecnológica pela UFSC. Aos que encontraram os defeitos espero as sugestões e revisões necessárias… Tornem o trabalho melhor e de acordo com os pressupostos teóricos, os quais não domino. Entretanto, gostaria de receber outras indicações de trabalhos similares para a disciplina de Física que estimulem tanto os alunos a buscarem respostas quanto o que foi feito na “quase” webquest citada… Inovar não é fácil companheiros! Cadê suas propostas? Estão integralmente de acordo com o Sr. Bernie? Cadê os trabalhos de vocês??? Gostaria de criticá-los também… Como disse, espero poder fazer essa crítica mas antes preciso ver os trabalhos, e mais, os resultados deles… Já tenho os meus! Fica fácil achar erros sem se preocupar em apontar os caminhos…. Há muito para fazer. Eu comecei… E os demais? Onde estão? Vamos em frente moçada… Esperem outras Webquest, parcial ou integralmente definidas segundo os “sagrados pressupostos teóricos”… Mostrei os resultados de meus alunos na minha página – http://www.novafisica.net. Resultados? Sempre foram altamente positivos, seja Webquest, seja “trabalho na Internet”….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: