Corte-e-cole: opinião de estudante

Em comentário a meu post sobre a famosa cola da Internet, Juliana Lima, minha ex-aluna no curso de Licenciatura faz considerações que quero compartilhar com frequentadores deste Boteco. Nada mais digo. Juliana com a palavra:

Olá, Jarbas!
Adorei esse post e o seu comentário no outro blog, pois creio que seus argumentos tem tudo a ver.

Como aluna devo admitir que atualmente é difícil não cair em tentação no chamado “ctrl+c ctrl+v”, afinal de contas, essa é uma discussão cultural, política e até econômica, pois muitos estudantes acordam cedo para trabalhar e vão do trabalho para a faculdade / escola e chegam em casa em por volta da meia-noite, ou seja, dormem mal, comem mal, não possuem tempo para se dedicar aos estudos e consequentemente, copiam tudo do Sr. Google.

Às vezes eu não gostaria de fazer isso, mas não tenho opção, visto que além dos professores indicarem vários trabalhos, alguns exigem até quantidade de folhas que eles devem conter.

Peraí, pesquisar é preciso e necessário, mas e as minhas aulas de coesão, coerência e objetividade? Elas vão para o espaço, pois o que poderia escrever em duas linhas, escrevo em oito só para atingir as medidas mínimas para ser aprovada.
Às vezes parece que estou numa academia de ginástica e não numa faculdade de tantas medidas que devo atingir… Enfim, essa é uma discussão longa, complexa, que engloba muitos aspectos e que está distante de se decidir se copiar e colar será uma prática ilegal ou não.

A verdade é que os professores devem tentar bolar alguma didática sobre os assuntos pesquisados, a fim de que os alunos consigam efetivamente ler e estudar a matéria solicitada, pois na base do copia e cola o aluno não aprende nada.

Torço para que num futuro próximo todos tenhamos domínio sobre os impactos que as tecnologias causam na educação e que eu consiga cumprir a minha promessa de ler todas obras literárias indicadas pelos professores após o término da minha graduação, pois por enquanto os resumos, infelizmente, estão me ajudando.

Abraços,
Juliana

Anúncios

5 Respostas to “Corte-e-cole: opinião de estudante”

  1. Lelê Says:

    Jarbas! Bom dia!
    A Juliana indicou-me seu blog, passei, li, e adorei! Já está nos meus links, no meu blog!

    Infelizmente, assim como a Ju, eu também ando recorrendo ao Ilmo. Google, que na hora do aperto, vale muito!

    Na minha visão, nós, universitários, ”podemos” usar essa ferramenta, pois, quando a usamos, é com parcimônia. Sabemos que tipo de informação colher dessa infinita semeadura que é a internet. O problema, são os alunos de ensino fundamental, e até mesmo médio, que não se preocupam em ler e estudar aquilo que está copiando. Apenas ctrl+c ctrl+v, e o trabalho já está feito, você não acha?
    Isso me deixa muito triste. Medidas as proporções, o Google é como uma faca. Se você souber usá-la, fará jantares deliciosos, mas se não souber, vai acabar com um belo corte no dedo.

    Um beijo
    Letícia

  2. Adriana 4ºAPGNAS Says:

    Olá Jarbas, assim como a Juliana e a Leticia, creio ser bem dificil para os universitárioa chegarem tarde em casa e fazerem todos os trabalhos sem recorrer a internet e ao ctrl+c ctrl+v (como acabei de fazer)… e entedo também que para o professor seja bem desagradavel “saber” que seu aluno utilizou deste recurso para fazer suas atividades…
    Nós como pedagogos necessitamos pensar em sugestões que seja boas para ambos lados, e que superem espestativas dos alunos e objetivos dos professores.

    Gostei deste post…
    parabens!
    Adriana

  3. Milena Says:

    Oi, Jabas!!
    Realmente é muito pertinente o desabafo da Juliana. Muitas vezes páro e fico pensando como será a formação dos estudantes de graduação de nosso país. Para poder estudar passam por situações que testam constantemente suas condições físicas e psicológicas, o que leva em muitos casos a “passarem” pela universidade e não possuirem uma formação plena. Somos uma geração do resumo, dos capítulos copiados, de textos do google, etc. Seremos também profissionais resumidos, e que copiam tudo o que os outros fazem?
    Gostei muito!!!
    Parabéns
    Milena

  4. margaretebarbosa Says:

    Caro Jarbas!
    Li o comentário da colega Juliana e também o artigo do jornalista Quartim de Moraes e senti uma proximidade entre eles. Me pareceu que a questão do “copiar e colar” vem acontecendo com freqüência, não só no ambiente escolar, como também no editorial, pois, como apontou o jornalista, carecem de conteúdos.
    E fico me perguntando: porque falta conteúdo?
    Ambos os artigos (de Juliana e do Quartim de Moraes) me fez lembrar uma entrevista com Umberto Eco que saiu na Folha de São Paulo, no ano passado (em 11.05.08) Destaco um trecho que talvez possa explicar essa minha dúvida:
    “PERGUNTA – A fé cega na internet, por outro lado, cria monstros.
    ECO – Sim, parece que tudo é certo, que você dispõe de toda a informação, mas não sabe qual é confiável e qual é equivocada. Essa velocidade vai provocar a perda de memória. E isso já acontece com as gerações jovens, que já não recordam nem quem foram Franco ou Mussolini! A abundância de informações sobre o presente não lhe permite refletir sobre o passado. Quando eu era criança, chegavam à livraria talvez três livros novos por mês; hoje chegam mil. E você já não sabe que livro importante foi publicado há seis meses. Isso também é uma perda de memória. A abundância de informações sobre o presente é uma perda, e não um ganho.”
    Querido Jarbas, talvez seja a memória que estamos perdendo….
    Um super abraço
    Margarete

  5. Fique por dentro Estudante » Blog Archive » Corte-e-cole: opinião de estudante « Boteco Escola Says:

    […] considerações que quero compartilhar com frequentadores deste Boteco. … fique por dentro clique aqui. Fonte: […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: