Arquitetura e educação: blogagem coletiva

Já faz algum tempo que venho postando aqui reflexões sobre arquitetura e educação. O tema, parece, não frequenta as faculdades de educação. Uma pena! Os significados da organização do espaço passam mensagens de muita importância, ensinam lições muito mais significativas que certas falas dos educadores.

Neste post, eu não queria fazer muitos comentários sobre o tema. Mas lembrei-me de um texto que escrevi e foi publicado num livrinho ano passado( cf. Barato, J. (2008). Tecnologia es Imaginación. in Vicent Campos y Francesc Lorens (org.). Tecnologias de la Educación: Perspectivas atuales y tendencias de futuro. Valencia: Novadors). Numa das passagens, observo:

Na década de 1930 o estudo do meio era uma abordagem metodológica muito popular nos Estados Unidos e em outras partes do mundo.  Na cidade de Los Angeles, para promover estudo do meio de um modo bastante original, as autoridades educacionais planejaram vôos panorâmicos. Um avião foi devidamente preparado para a missão. Assim, alunos de escolas públicas de LA poderiam sobrevoar toda a região da cidade num programa que se chamou “To-day’s Aerial Geography Lesson”. Essa é uma boa idéia. Se restrições operacionais e de custo não fossem tão grandes, nossos sistemas educacionais poderiam ter hoje seus programas de lições de geografia aérea. Mas eu não contei ainda como o interior da aeronave foi desenhado para as lições de geografia aérea da cidade de Los Angeles.

Larry Cuban (1986) além de registrar esse episódio que acabo de resumir, ilustra o acontecido com uma foto do interior do avião. A cabine da aeronave foi transformada numa sala de aula convencional. Em vez de poltronas, os alunos estão sentados em carteiras escolares. Na parte da frente da cabine há um quadro negro. O instantâneo fotográfico mostra a professora apontado um globo terrestre. Os alunos olham para os livros didáticos sobre suas mesas de estudo ou para a mestra à frente, ninguém olha o panorama pelas janelas do avião.

Para atividades de estudo do meio, a partir de um vôo panorâmico, os educadores da grande cidade da Califórnia resolveram transformar o interior da aeronave numa sala de aula padrão. O uso de um meio de transporte capaz de mostrar ao vivo uma visão ampla do território onde viviam os alunos não resultou numa arquitetura de interiores que facilitasse o aproveitamento do recurso disponível. Ao contrário, a nova tecnologia foi submetida às idéias hegemônicas sobre espaços de aprendizagem sistematizada. O avião foi transformado numa escola. E esta transformação diminuiu sensivelmente possibilidades de aprendizagem que um vôo panorâmico poderia oferecer. Uma escola convencional voadora continua a ser uma escola convencional.

Dificuldades para reorganizar o espaço escolar podem ser observadas nas atuais soluções para usos de novas tecnologias em educação. Post recente de meu amigo Zé Antônio Kuller – Escola do Futuro? – aborda a questão com um exemplo muito claro.

Relaciono, a seguir, posts que andei escrevendo sobre o tema.

Assim que comecei a comentar o assunto, o Kuller entrou na conversa. Ele vem publicando posts sobre o assunto lá no Germinal. A  Miriam Salles comentou nossa conversa (minha e do Kuller) e deu exemplos baseados em sua experiência docente. Já temos um começo. Mas eu gostaria muito de saber a opinião de educadores amigos sobre o tema. Para tanto, estou propondo uma blogagem coletiva sobre Arquitetura e Educação. Como é preciso um tempo para refletir sobre a matéria, sugiro que a blogagem não tenha um dia pré-estabelecido, mas ocorra nos dois próximos meses de abril e maio.
Todos os amigos que passarem por aqui estão, desde já, convidados para a empreitada. Listo a seguir alguns nomes cujas opiniões o tema eu gostaria muito de conhecer.

Essa é uma primeira leva. Vou listar brevemente outros convidados (ou seriam convocados?). Solicitarei ao Kuller que promova a iniciativa lá no Germinal, com lista de gente com quem ele dialoga mais frequentemente. E, é claro, todos os amigos deste Boteco podem convocar outros amigos para a blogagem coletiva sobre Arquitetura e Educação.

Anúncios

16 Respostas to “Arquitetura e educação: blogagem coletiva”

  1. Doralice Araújo Says:

    Gosto muito do tema; pode contar comigo, Jarbas.

  2. Sérgio F. Lima Says:

    Opa Prof. Jarbas,

    Primeiro vou fazer por em dias as leituras sobre o tema. Isto por si só, já vale participar da blogagem-coletiva… e como temos esta liberdade nos prazos, poderei participar destas conversações.

    abração

  3. jarbas Says:

    Caros Doralice e Sérgio,

    Muito bom vocês terem aceito a proposta da blogagem coletiva. Tenho certeza de que a contribuição de vocês vai iluminar a conversa. Abraço grande, Jarbas.

  4. José Antonio Küller Says:

    Jarbas

    Recebi sua solicitação de promover a blogagem coletiva no Germinal – Educação e Trabalho. Conte comigo. Mas. como tenho que concluir um trabalho ainda hoje, amanhã tomarei as providências necessárais.

    Forte abraço

    Küller

  5. Doralice Araújo Says:

    Bom dia , Jarbas. Já comecei a fazer a lição; o assunto articula a outros, inúmeros. Vá ao Na Mira do Leitor e avalie a ” palhinha” sobre o tema coletivo; um abraço.

  6. Blogagem coletiva sobre Arquitetura Escolar « Germinal - Educação e Trabalho Says:

    […] com seus posts sobre Arquitetura e Educação, Jarbas Novelino Barato, doBoteco Escola, depois de contar uma deliciosa história sobre uma sala […]

  7. Fátima Campilho Says:

    Obrigada por ter me escolhido!
    Já havia lido alguns textos aqui sobre o tema. Não é a minha especialidade, mas vou me esforçar como boa aluna e com a minha experiência em escolas municipais.
    Abraços.

  8. Marli Fiorentin Says:

    Olá professor!
    Recebi sdeu convite para a blogagem coletiva, que li em São Paulo, pois estive participando como palestrante na Interdidática. Agradeço o convite e vou com calma ler as leituras indicadas nos links. Depois participarei. Abraço!

  9. Fátima Campilho Says:

    Jarbas,
    Este texto parece piada! Isto não acontece nem em escola pública.
    Meus alunos já fizeram “passeios” de avião com os militares aqui da Aeronáutica como instrutores.
    Você sabe que a minha realidade é outra: cadeiras e mesas enferrujadas, quadro-branco sem pilot,quadro-negro sem giz antialérgico,um ou dois ventiladores num calor de 40°, televisões e dvds novos sem funcionar por falta de equipamentos, grades para evitar roubos, etc.
    A sala de aula apresentada é um sonho!
    Não ouvi o que o professor falou, então não vejo problema em vê-lo no centro, ainda considero o profissional de ensino essencial. Imagine se quero ficar desempregada! Brincadeiras a parte, o contato físico é fundamental em educação de crianças e jovens. Basta o tempo que eles já ficam solitários olhando para a tela em casa.
    Abraços.

  10. Arquitetura escolar e indução pedagógica « Germinal - Educação e Trabalho Says:

    […] iniciar a minha participação na blogagem coletiva Arquitetura e Educação, proposta pelo meu amigo e professor Jarbas Novelino Barato, em Boteco Escola, vasculhei os livros […]

  11. José Antonio Küller Says:

    Jarbas

    Como abril já chegou e vai ao largo, Postei minha primeira contribuição à blogagem coletiva, Arquitetura Escolar e Indução Pedagógica, in: http://germinai.wordpress.com/2009/04/15/arquitetura-escolar-e-inducao-pedagogica/.

    Abraços

    Küller

  12. Suely Says:

    Oi, Professor Jarbas!

    Fiquei muito feliz com a proposta para participar da blogagem coletiva!!!
    Como acompanho o Boteco Escola, algumas das provocações feitas eu já li… Continuarei as leituras e…
    Vou tentar contribuir, talvez, relatando alguma experiência – por exemplo, a minha vivência numa escola da FASE… bastante significativa… as relações entre grades reais (da privação da liberdade mesmo!) e as grades dos currículos… as tentativas da escola para superar esses limites…
    Vou tentar…
    Abraços!!!

  13. Resultados do ENEM e Arquitetura Escolar « Germinal - Educação e Trabalho Says:

    […] estava procurando referências para mais uma participação na blogagem coletiva Arquitetura e Educação , proposta pelo blog Boteco Escola, chamou-me a atenção a foto que ilustra a matéria e que […]

  14. jaciara de sá carvalho Says:

    Jarbas,

    Estou muito lisonjeada e não me esqueci do convite. Farei minha contribuição em breve. Pelo que entendi, publicaremos no Germinal. É isso?

    Abraços, Jaciara!

  15. Arquitetura escolar: As escolas mais legais do mundo. « Germinal - Educação e Trabalho Says:

    […] por Miriam Salles através do Twitter, creio que a propósito da blogagem coletiva proposta pelo Boteco Escola. O texto foi postado em BizRevolution e começa […]

  16. Michell Niero Says:

    Olá, como vai?

    Antes de tudo, parabéns pela iniciativa de utilizar seu blog para unir pessoas em torno de alguma causa. Assim como você, acreditamos no potencial da blogagem coletiva como formato possível de união e mudança na sociedade.

    Criamos recentemente o blogagemcoletiva.org (www.blogagemcoletiva.org). Trata-se de um agregador de conteúdo voltado à divulgação de mobilizações coletivas realizadas via internet.

    A idéia é tanto auxiliar o blogueiro a potencializar suas manifestações como também divulgar os resultados obtidos através de sua iniciativa. O funcionamento é semelhante ao de indexadores como Uêba, Ocioso e Linklog. Tudo pode ser feito sem a necessidade de cadastro. O blogueiro nos envia sua manifestação por meio do link “envie uma blogagem” presente no topo da página e, se tudo estiver dentro das nossas políticas de publicação, ela será divulgada no site.

    Ah, e para incentivar a adesão da blogosfera nós criamos um ranking, onde os visitantes podem declarar por meio do voto sua participação ou apoio à causa. A manifestação mais votada a cada semana ganhará destaque especial no site.

    Podem ser blogagens coletivas, memês, petições, campanhas, protestos e toda e qualquer manifestação válida que busque contribuir de alguma maneira com a sociedade. Por isso, junte seus (suas) companheir@s de blogagem e faça da blogosfera um mais produtivo e engrandecedor. E conte com a gente para que sua iniciativa contamine mais e mais pessoas!

    Se puder divulgar a gente em seu blog, seremos muito gratos!

    Viva a democracia!
    Michell Niero

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: