Imagem, Educação e Tecnologia

Vivemos numa sociedade da imagem. Isso é bom. Isso é ruim. Do lado bom, temos o acesso, a possibilidade de aprender sinteticamente. Do lado ruim, temos a substituição do real por falsificações [basta ver manipulação de imagens de candidatos em tempos de eleição], a perda da capacidade de análise que o texto expandiu consideravelmente em nosso mundo. Recomendo dois autores clássicos, Neil Postman e Daniel Boorstin. O último escreveu um livro indispensável: The Image. O primeiro defende a escrita e tem também uma obra que todos os educadores deveriam conhecer: Tecnopólio: A rendição da cultura à tecnologia.

É preciso conversar mais sobre o assunto nos meios educacionais, pois as imagens invadiram o cotidiano e são elementos de formação de todos nós.

Eu tinha planejado este post ontem, depois de minha aula no 4° ano de pedagogia. E hoje, logo pela manhã, encontrei na Folha a seguinte declaração do criador do Creative Commons, Lawrence Lessig:

Nos séculos 19 e 20, ser alfabetizados significava aprender a escrever, unir palavras para expressar idéias. O que vemos neste século é que as palavras são só uma forma de alfabetização e que há outras formas mais atraentes para os nossos filhos, como as imagens.

Como trabalhar com imagens em educação? Não creio que existam respostas prontas, mas acho que podemos ensaiar algumas possibilidades, sobretudo aquelas assistidas por tecnologias da informação e comunicação. E é isso que estou tentando fazer com meus alunos no momento. Eles foram desafiados a criar um conjunto de imagens em Powerpoint para posterior publicação no Slideshare. O material utilizado é fruto de levantamnetos na Internet. O critério de seleção é dos grupos de produção. A sugestão de uso, em linhas gerais é a que segue:

  • Solicite aos alunos que percorram, no laboratório de informática, a coleção de imagens publicada nos Slideshare.
  • Instrua-os para escolherem duas ou três imagens que mais os sensibilizem.
  • Peça a cada estudante que diga os números dos slides escolhidos.
  • Instrua a classe para ir até os slides escolhidos a cada intervenção individual dos alunos.
  • Peça a cada aluno para falar livremente sobre sua escolha, enquanto a classe toda examina os slides por ele escolhido.
  • Faça,se necessário, intervenções e perguntas que julgue pertinentes para animar a conversa sobre o tema a partir de comentários individuais sobre as imagens.

Já iniciamos sessões de uso de imagens na direção proposta. A experiência está mostrando um caminho interessante que dá margem a falas muito autênticas sobre os temas apresentados. Tal alternativa de uso de imagens parece ser um bom ponto de partida para estudo de temas que exigem certa dose de sensibilidade social. Não quero aqui teorizar sobre a matéria. Sigo uma linha que privilegia produções baseadas em intuições sobre uso dos recursos que temos com certa imaginação.Sugiro que a teorização nasça dos produtos e de suas aplicações. Vejam aqui três das propostas que meus alunos construíram:

Vejam o material e se puderem registrem seus comentários aqui neste Boteco. Queremos construir uma teoria que parta de propostas concretas de uso das TIC’s.

Nota. A imagem que ilustra este post foi emprestada do Mosteiro de Balamand, um centro do cristianismo ortodoxo. Essa escolha não foi mero acaso. Na história do Império Bizantino, o uso de ícones teve consequências trágicas, mostrando que as imagens não são apenas decorativas.

About these ads

15 Respostas to “Imagem, Educação e Tecnologia”

  1. Lucielaine Says:

    Quando trabalhamos com imagem, o aluno consegue aprofundar seu interesse e seu sentimento. Já usei imagens em algumas aulas com meus alunos da EJA e consegui com que eles escrevessem e descrevessem mais. Dependendo da imagem, o coração fala mais alto, o sonho desabrocha e a viajem acontece. Despertei neles o interesse por viagens, o que seria impossível até pensar para alguns. Fiz com eles conhecessem novos lugares. Adorei comentar as imagens apresentadas no Slide Share. Podem-se abordar diferentes assuntos usando-se a tecnologia. Além das pesquisas para montar o Slide, existe o comentário do assunto.
    Até mais.

  2. Daniella Says:

    Aprendi a utilizar as imagens em sala de aula ( educação infantil) depois de perceber que muitas vezes a escrita não valorizam a imagem com uma aprendizagem mais ampla. As imagens desenvolvem um olhar mais curioso, questionador e significativa no aluno, pois proporciona à eles o ensinamento do olhar desde criança, expondo seus sentimentos e suas emoções.
    Inté

  3. Andressa_Lima Says:

    A imagem, quando usada adequadamente, possibilta tanto ao professor quanto ao aluno explorar mais profundamente as emoções, os sentimentos e até mesmo o interesse deste pelo assunto. A imagem pode tanto cativar quanto repelir, pode ser aliada ou inimiga, e, neste ponto surge a necessidade de se selecionar adequada e criteriosamente as imagens a serem utilizadas.
    Criar o slideshare foi algo realmente instigante, desde a escolha do tema à escolha das imagens.
    Realmente adorei…
    Até a próxima!

  4. Mª Rejane Says:

    Percebi que trabalhar com imagens é algo inovador. Uma experiência que os professores devem adotar em suas práticas cotidiana, desde a Educação infantil. Pois, por meio da imagem podemos descrever e caracterizar uma cena, um momento, captar detalhes, entre outros. Nossa imaginação reconhece, visualiza e conta à história.
    Realizar esse trabalho proporcionou-me um aprendizado significativo, durante a escolha das imagens e principalmente na hora em que apresentamos para classe. O nosso sábio e querido professor Jarbas apontou alguns cuidados que temos que ter ao escolher o tema e adequar as imagens.
    Enfim, a oportunidade de realizar este trabalho resultou em uma excelente experiência que utilizarei no futuro.

  5. Elisabeth Radis Says:

    Profº Jarbas, gostei muito de elaborar a apresentação para o Slide Share, além de selecionar as imagens tivemos que refletir e construir idéias que sustentassem nosso tema. Acreditei que esse era um bom recurso para utilizarmos com nossos alunos, mas depois da aula que o senhor deu sobre como a leitura e a escrita as vezes se perdem frente as imagens e como elas podem nos iludir, parei para refletir mais uma vez. Acredito que os professores podem aliar o uso de fotos com a importância da escrita e leitura. Todos os meios são valiosos para que os alunos se desenvolvam e cada qual tem uma finalidade, basta utiliza-los da melhor forma tendo em vista um objetivo pré estabelecido.
    Abraços.

  6. Analia Romanato (4APGN) Says:

    Foi muito prazeroso trabalhar com slide Share. A escolha das imagens devem vir carregadas por uma reflexao, um significado. O que o torna ideal para trabalhar com os alunos, pois devem ter criatividade na escolhas das imagens e devem pensar na reflexao que vai surtir naqueles que as observarão. Esta ferramenta provoca um olhar mais crítico e minucioso no aluno. O que torna uma tarefa intrigante. É valido lembrar que devido a inesistência de palavras, as interpretações podem ser diversas, pois uma imagem pode significar mil coisas ou não se mostrar como realmente é. Daí a importancia dos alunos em informar aos observadores, após apresentação das imagens, a reflexao que queriam provocar e confrontar com o que conseguiram abstrair das imagens. Certamente será uma aula bastante produtiva.

    Um grande abraço, Jarbas!

  7. Flávia Says:

    Ao utilizar imagens é possível levas as pessoas a ter um olhar mais aguçado, um olhar crítico despertando sentimentos levando os observadores a uma reflexão.
    Foi muito interessante fazer o levantamento das imagens e postá-las no Slide Share, pois os temas levados para sala nos levaram a reflexão e a ver quantas coisas estão acontecendo ao nosso redor. As imagens por si só diziam tudo, não foi preciso ter nada escrito.
    Percebi que é preciso fazer uma boa seleção para levar para sala para trazer significados àqueles que as apreciam. Essa é uma ótima forma de trabalhar com os alunos em sala.

    Abraços!!

  8. lenice Says:

    Usar a imagem para o entendimento de algo é muito interessante,pois encontramos varias maneiras e sentidos para interpretá-las.
    Com este trabalho podemos propor o uso da tecnologia como um novo método alternativo de ensino, isso é muito bom para a educação e se soubermos trabalhar podemos instigar o aluno cada vez mais a usar a internet para trabalhos e pesquisas escolares.Também devemos divulgar e conduzir outros discentes a essa prática. Já que a tecnologia faz parte da maioria na sociedade e nos como futuros educadores, temos a obrigação de transmitir essa informação.

  9. Maria Cristina de Paula Says:

    Olá Professor

    Achei muito importante trabalhar mais profundamente com slideshare este ano, mesmo já tendo conhecido acredito que nesta nova oportunidade tive que refletir com mais ênfase sobre o que pesquisar. Este exercício torna-se muito enriquecedor para minha prática educativa. Agradeço por esta experiência.
    Maria Cristina

  10. Nathália Buesa Says:

    Olá Professor!!

    O Slide Share, se utilizado adequadamente, pode se tornar um grande aliado na Educação. A partir da experiência realizada em sala de aula (4APGNAS), ficou claro como este instrumento possibilita o desenvolvimento de um olhar sensível e crítico com relação a um determinado assunto. O exercício foi muito enriquecedor, desde a escolha do tema, a eleição das imagens até a análise crítica e reflexiva dos diversos temas abordados pelos grupos. Só tenho a agradecer por essa oportunidade, que com certeza, acrescentou e muito para a minha formação.

    Até logo,
    Nathália Buesa.

  11. Lucicláudio Jacinto de Melo Says:

    o trabalho com imagens em sala de aula é algo de extrema importancia para o processo de aprendizagem do educando. Pois é uma forma de trabalhar a criatividade, e o desenvolvimento de habilidades no uso da percepção. Para que isso ocorra basta apenas que o docente saiba como usar esse recurso para que assim ocorra.

  12. Franciélio Júnior Says:

    Estou conhecendo a importância do uso da imagem para a educação. quanto mais me aprofundo no estudo mais cinto esta necessidade de uso. estamos começando a viver uma nova pedagogia da imagem e tecnologia a serviço da educação.

  13. Clodoaldo Lourenço Says:

    As imagens tem uma dimensão pedagógica significativa no campo geográfico, hoje em dia não há mais somente a geografia dos professores, mas também, aquela que vinculam através dos veículos de comunicação escrita ou audiovisual sendo elas transmitidas diariamente, atuando fortemente nas narrativas em imagens a cerca do mundo no qual vivemos.
    Podemos dizer que as imagens são parte cada vez mais intensa da multiplicidade que compõe o espaço atual, sendo de grande importância no modo como pensamos e agimos na realidade do espaço geográfico, tornando-as referências para as práticas discursivas nas salas de aula.

  14. Graciele Medeiros Dunga Says:

    O uso da imagem e muito importante para a educação de hoje. A imagem tem varias interpretação. Para os alunos abrem novos caminhos, a aula torna-se mais atrativa e dinâmica, os alunos prestam mais atenção e tem suas próprias interpretações.
    Trabalhar como imagem, e uma experiência nova, que vem dando certo, podem explorar de varias maneira os conteúdos da imagem.

  15. Alexsandra Says:

    O estudo da imagem é muito importante para educação. Porque através do estudo das imagens podemos desenvolver a sensibilidade e o desenvolvimento critico dos alunos. E para nos professores de geografia a imagem e de suma importância para estudo e analise e desenvolvimento do senso critico, desenvolvendo uma analise de interpretação mais apurada.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 106 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: